quarta-feira, 8 de janeiro de 2014

Bolo mármore com crumble de chocolate com chilli e o triunfo da persistência

Há coisas que fazemos bem, outras assim assim e outras nem por isso. Num post antigo confessei já a minha total incapacidade para cortar pão. Comprovei-a mais uma vez neste Natal ao cortar o pão para as rabanadas. Não ficou mal de todo. Depois de aparadas as côdeas ficaram fatias bastante razoáveis mas não é façanha com que me dê bem. Há quem diga que o pão deve ser mesmo cortado à mão. Quando está quente parece-me a solução perfeita, mas nem sempre está e há dias e alturas em que tenho de cortar pão com a faca. As fatias nunca saem perfeitas.
Outra das minhas incapacidades é, porventura, o mais simples e básicos dos bolos: bolo mármore. Não me lembro de comer muito bolo mármore em criança mas lembro-me de um dia estar a fazer um bolo mármore com uma amiguinha lá em casa sob supervisão da minha mãe. Quando chegou a altura de sobrepor a massa simples e a de chocolate fizemo-lo ainda na tigela. Como é bom de ver, o mármore mudou de cor e em vez dos veios escuros ficou uma cor uniforme de sabor achocolatado. Devia logo ter desconfiado nessa altura.
Quando um dia anunciei cá em casa ‘vou fazer um bolo’ e o meu consorte me questionou em jeito de pedido ‘um bolo mármore?’ sim, podia ser, um bolo mármore, assim foi. Não bem assim. Quando deitei mãos à obra, e vão duas, saiu um bolo ‘tigresse’. Eu explico: deitei chocolate em vez de cacau e dei-lhe umas voltas na massa que mais parecia os padrões de bicheza que se vêem por aí. O veredicto foi claro, ‘o bolo está bom mas’, pois o ‘mas’, ‘mas’, concluiu ‘não é bolo mármore’. Não era.
A terceira vez que me aventurei, aconteceu-me pior. Passou-me pela cabeça usar uma forma de fundo amovível mas com o fundo trabalhado e de buraco ao meio. Após pouco tempo no forno, fui chamada de urgência à cozinha. Está por averiguar se foi falta de jeito da minha parte ou se a forma está frouxa e velha e não veda como devia. Havia massa de bolo a esparramar-se pelo forno. Actuei rapidamente, uma mulher atrapalhada é pior que um homem grávido, mas, mais uma vez, o resultado foi um bolo. Ponto. Um bolo. Nem 'tigresse' sequer. Estava bom mas ser bolo mármore é que não era.
A penúltima vez que arrisquei fui acometida da vontade de vencer a minha incapacidade e salvar a minha reputação. Fiz pouca massa, e o resultado foi um bolo dálmata: estava às pintas. Chocolate aqui e acolá. Delicioso. Delicioso bolo dálmata. Bolo mármore é que não era.
A mais recente investida começou ontem ‘hoje apetecia mesmo um bolinho com um chá com uma intempérie destas’ ao que me perguntaram ‘bolo mármore’? Foi quase bolo mármore. Lá que estava bom, estava mas seria bolo mármore?

Bolo mármore com crumble de chocolate com chilli

Ingredientes

Para o bolo
200 g de manteiga
300 g de farinha
1 colher de chá de fermento
300 g de açúcar
6 ovos
½ iogurte natural magro sem açúcar
Cacau (deitei a olho)

Para o crumble
125 g de farinha
75 g de açúcar
75 g de manteiga gelada cortada em cubos
1 tablete (100g) de chocolate negro com chilli (usei Lindt)

Preparação
Pré-aquecer o forno a 180º.
Primeiro preparar o crumble. Juntar a farinha e o açúcar, a manteiga cortada em cubos e com os dedos esfarelar. Cortar o chocolate em pedacinhos com uma faca e adicionar ao crumble, envolvendo apenas. Reservar no frigorífico.
Para o bolo bater a manteiga à temperatura ambiente com o açúcar. Juntar os ovos um a um batendo entre cada adição. Deitar o iogurte e bater apenas o suficiente para ficar homogéneo. Com uma espátula, envolver a farinha. Dividir a massa em duas partes. Incorporar o cacau em pó numa das partes. Deitar na forma a massa simples e a com chocolate. Se necessário fazer leves movimentos com uma espátula ou uma faca. Levar ao forno cerca de 40 minutos. Quando o bolo estiver praticamente cozido, retirar do forno, espalhar o crumble por cima rapidamente, o bolo deve ficar o mínimo tempo possível fora do forno, e levar mais uns 15 minutos a cozer até começar a ficar dourado. Deixar arrefecer um pouco e desenformar.

Esta receita foi inspirada numa da Rachel Allen com algumas alterações. O chocolate do crumble pode ser de leite a versão original. Desta vez optei pelo chilli, gosto do contraste, mas ficará bem de certeza com chocolate com laranja.

13 comentários:

Susana Machado disse...

Tem um aspecto fantástico!
Beijinhos,
http://sudelicia.blogspot.pt/

Leonor disse...

Obrigada, Susana :)

Patricia Conceicao disse...

Tem um ar delicioso Leonor! Tu matas-me! Ao menos que escrevesses bem e cozinhasses mal. Ou que escrevesses e cozinhasses bem mas não tivesses jeitinho nenhum com a máquina fotográfica, agora jeito para tudo é um exagero... deixas-me aqui a salivar ;)

Tertúlia da Susy disse...

Maravilhoso!
Bjs, Susana

Leonor disse...

Muito obrigada, Patrícia, tantos elogios até fico coradita :)
As fotografias são invenção nova, ando a praticar com um presente de Natal. Gosto deste ar meio rústico.
Beijinhos

Leonor disse...

Obrigada, Susana :)
Beijinho

Comida de conforto disse...

O bolo está lindo, e super apetitoso!! Mas será bolo mármore??
Fico à espera que me digas :)
Beijinhos

Blog do Chocolate disse...

Leonor,

Ora calcula lá o efeito que o teu texto produziu na minha pessoa... pois, é bom de advinhar: tive de me rir a bom rir, desculpa-me ! lol

Tu e o bolo mármore têm um assunto por resolver, estou a ver ! :) Mas há-de ser, já que este me parece muitissimo bem, está com um aspecto mármore sim e esse crumble coroou-o na perfeição...
Ora corta lá aí uma generosa fatia que te digo já se é ou não bolo mármore ! ;)

Um beijinho grande**

Leonor disse...

Continua bom :) mas será mesmo bolo mármore, comida de conforto?
;)

Leonor disse...

Ainda bem que te riste, Isabel, este blogue serve mesmo para isso, para nos descontrairmos. Já chega a vida lá fora para ficarmos tristes.
Puxa aí uma cadeira que vou fazer um chá e já provas, boa? :)

Beijinhos

Susana Figueiredo disse...

Humm, foi este que te correu bem então ;) Está com óptimo aspecto!!! Vou guardar a receita! Acho que já o tinha visto, mas como geralmente leio os blogs no feedly não o associei imediatamente a ti. Beijos!!!

Inês Ginja disse...

Leonor, este bolo ficou perfeito!
Acreditas que ontem olhava para ele no livro da Rachel Allen e fiquei com vontade de o fazer.
Adoro a tua adaptação :) Lindo!
Um beijinho.

basta cheio disse...

Bem este bolo está magnifico!
Mais mármore, menos mármore, está lindo na minha opinião :)

Bjinhos