quarta-feira, 19 de dezembro de 2012

Bolachas de especiarias e a magia do Natal


Já comecei este post três vezes. Uma entrava demasiado na minha intimidade, outra não me soava bem e esta é a terceira que, desconfio, terá mais possibilidade de ver a luz do dia ou da noite, já que não desvela a minha intimidade, estou aqui há três linhas a não dizer coisa nenhuma e não me tem soado mal de todo. Acontece que hoje foi um dia diferente: estava sol em pleno Inverno. Inverno para mim é para lá de Novembro ou até de Outubro se se puser firo e chuva e humidade e nevoeiro como se pôs de há três dias a esta parte. Isso para mim é Inverno e eu não gosto de Inverno. Estando sol consegui a proeza máxima de lavar roupa. Sou daqueles bichos domésticos com a mania do arejamento e gosto da roupa seca ao sol e ao vento, gosto do cheiro e da textura da roupa meio hirta e meio batida pela natureza. Além de estar sol, aproxima-se a passos largos o tempo em que vou estar ausente da minha vida profissional, aquela que um dia abracei cheia de sonhos e força e a que abandonaria agora, já, cheia de mágoa, humilhada por um país que me maltrata. E para coroar tudo isto, o Natal entrou-me hoje pela casa. Hoje fomos dois: ovos, açúcar, especiarias. Esperámos os dois. Opinámos os dois. Provámos os dois. Rimos os dois. Como na vida. Deve ser isto a magia do Natal.

Bolachas de especiarias

Ingredientes
350 g de farinha com fermento
175 g de açúcar amarelo
150 g de margarina
1 ovo
2 colheres de sopa bem generosas de mel
1 colher de chá de fermento
1 ½ colher de chá de canela
1 colher de chá de gengibre em pó
1 colher de chá de pimenta da Jamaica moída

Preparação
Misturar a farinha, as especiarias e o fermento num recipiente. Bater a margarina à temperatura ambiente com o açúcar até ficar um creme esbranquiçado e homogéneo. Juntar o ovo e continuar a bater até incorporar bem. Adicionar o mel e, por fim, os ingredientes sólidos. Moldar dois discos, envolver com película aderente e levar ao frigorífico durante uma hora.
Pré-aquecer o forno a 180º. Estender a massa numa superfície com farinha e cortar as bolachas com formas de formas diferentes. Levar ao forno cerca de 15 minutos ou até começarem a ficar morenas. Retirar do forno e polvilhar com açúcar de confeiteiro com canela. 


14 comentários:

Receitas de Sedução disse...

Ficaram lindas! Gostei muito da receita. Perfeita!
Beijinhos e Um Feliz Natal

Leonor disse...

São muito boas :)
Obrigada.

Beijinhos e um Feliz Natal também.

CNS disse...

Deve mesmo ser isso, o Natal. Um beijinho bem natalício para si, Leonor.
E as bolachas ficaram lindas :)

Leonor disse...

Igualmente, Cristina :)
E ficaram bem boas. Acho que vou fazer para oferecer no Natal.

Ana Claudia disse...

Lindas e deliciosas bolachas...
Beijinhos, Aninha

Blog do Chocolate disse...

Leonor, :-)

Que bom que a tua mágoa foi aliviada pelo aroma e pelo sabor dessas bolachas fantásticas...
Que bom... ainda bem que, no meio de alguma tristeza, há momentos felizes que valem a pena ! :)

As tuas bolachas são lindas, de facto perfeitas para oferta em qualquer ocasião, adorei a receita e consigo até sentir o perfume das especiarias... :-)

Um beijinho grandes

Isabel

Leonor disse...

Bem-vinda, Aninhas :)
Muito obrigada. Já fui espreitar o teu blogue e recolher umas ideias para o dia de Natal. Cá me casa comemos sempre farofa com os miúdos de cabrito. A minha avó era brasileira e deixou-nos essa receita e outras.
Beijinhos

Leonor disse...

Olá Isabel,
Cozinhar e o aconchego de casa ajuda-me a suportar este ano tão difícil para todos nós.
Estas bolachas ficaram muito crocantes, óptimas para uma chá ou um cafezinho.

Beijinhos e muito obrigada pela visita :)

São Ribeiro disse...

Lindas bolachas com cheirinho a natal...
bjs

Tânia Constantino disse...

que lindas bolachas!
adoro
feliz Natal!
Bjs
http://1000sabores1000maneiras.blogspot.pt/

Maria disse...

Leonor, quando um dia formos beber o nosso cafe e comecarmos a falar em magoas, deste pais que nos acoita como se ca nao pertencessemos, esse cafe ire-se-a prolongar por muitas e muitas horas.
Quanto as bolachas :
Classificacao - Excelente ( 100%) :)
Beijinhos grandes
Maria

Maria disse...

ir-se-a, sorry :( Ja bem basta nao ter assentos, agora tb tem erros ortograficos1

Leonor disse...

Olá Tânia,

Feliz Natal também, obrigada :)

Leonor disse...

É verdade, Maria, este país dá cabo de nós e não há fim à vista para isto. Quando formos tomar café temos de falar de algo que nos anime :)

Muitos beijinhos e um óptimo Natal.